28.6.09

Do que ficou.

os pés descalços. sem medo de pisar a lama, nem caco de vidro. e por estarem calejados, já não doem mais. pés que me levaram por tantos caminhos, muitos deles, escolhidos na hora, outros já previstos. e todos me serviram pralguma coisa. nada passou em branco. nem foi levado com o vento. o que ficou é mais forte e bonito. e mora comigo. só que do lado de dentro.
.

8 comentários:

Ariadne Manfredine disse...

Do lado de dentro: é onde guardamos o que não queremos esquecer nunca (por mais que doa).

Lindo blog!

Beijos.

Paloma Flores disse...

Adoro as coisas que moram do lado de dentro.

Ju Fuzetto disse...

obrigada Cris pelas dicas!!!!!!
Beijãoooooooooooo

Ju Fuzetto disse...

Crissssss tem selinho pra vc no meu blog!!!!!
Beijosssssssss

Ni ... disse...

E este é o principal.. que morem aqui dentro, onde realmente importa...

Beijo e mais beijos...

eve disse...

Achei tudo muito lindo por aqui.

Chá de Fita disse...

Para o alto e avante
Sem medo!!!

Ravenna disse...

Cris, postei o selinho! depois dá uma olhada.. beijão!